imagem

imagem

..

26 de nov de 2011

Vay a cantar

Pe Lanza muda o visual e aparece de cabelos mais curtos


Pe LanzaParece que os beijos trocados com a apresentadora Ellen Jabour mexeram com a vaidade do músico Pe Lanza. O jovem, que tem 14 anos a menos que a ex-modelo, apareceu com cabelos mais curtos e mais escuros durante o show da banda Restart realizado na noite de domingo (20) no Rio de Janeiro.
Além do cabelo, Pe Lanza também estava com roupas menos. Será que ter ficado com a apresentadora deixou o músico com vontade de parecer mais velho?

Batalha Teen: Qual banda é melhor, Cine ou Restart?


Cine RestartRecentemente duas das grandes bandas teen brasileiras lançaram CD novo. O Restart veio primeiro com o Geração Z, o trabalho foi lançado através de plataformas virtuais no dia 21 de outubro. O grupo causou burburinho no internet com os vídeos que anunciavam o CD e a música Menina Estranha já é uma das mais pedidas nas rádios do Brasil.


Veja galeria de fotos das bandas!
Já o Cine lançou no dia 22 deste mês o aguardado Boombox Arcade. Com um disco inspirado no mundo dos games, a Cine mostrou que passou de fase e que está descobrindo novos mundos. O trabalho mostra uma banda muito mais eletrônica e dançante. A música de trabalho #EmChoque já conquistou as fãs e está fazendo sucesso no país.

Pe Lanza, da Restart, dança funk no programa da Eliana


A Restart será a atração deste domingo do programa da Eliana, onde cantará seu novo sucesso “Menina estranha”. Os coloridos vão participar do quadro “Criança show” e premiarão os vencedores. No meio do programa, Pe Lanza ainda dança funk com um dos participantes.
Outro convidado do programa é o grupo Bom Gosto, que cantará a música “Curtindo a vida”.

21 de nov de 2011

CD RestartO novo disco da banda Restart, Geração Z, finalmente chegou às lojas. O lançamento do disco tinha acontecido no dia 21 de outubro, entretanto os fãs só puderam ouvir o trabalho pela internet. O vocalista colorido, Pe Lanza divulgou nesta segunda-feira (21) a capa do CD no Twitter.


- É hoje! Mais um “filho” nosso nasceu! Mais um presente pra vocês!


Pe Lu e Koba assinam 7 faixas em parceria e Pe Lanza 3 (sendo uma com Thomas como co-autor). Fora isso, Geração Z traz Koba cantando em algumas músicas. Coloridos como sempre, mas mais maduros, fazendo um som mais elaborado e reunindo as influências dos quatro integrantes do grupo, o Restart surpreende no novo trabalho.


Faixa a faixa

Os meninos da banda comentaram as músicas do CD e explicaram a história de cada uma.


Menina Estranha: A história que provavelmente nós quatro e muitas outras pessoas já passaram! Letra direta e melodia bem diferente da Restart de sempre!
Vai e Volta: Melodia daquelas que arrepia pela emoção. Fala de amor de um jeito simples.
Minha Estrela: Entrou de última hora no CD e é uma das mais bonitas. Arranjo leve de começo e uma crescida inesperada. Surpreendente e chiclete.
Nosso Rock: Como o nome e a própria letra dizem, nosso jeito de fazer rock. Pesada no tamanho certo.
A Vida é uma Só: Música pra sorrir! Arranjo mais trabalhado e bastante diferente também. Para ser ouvida em dias de sol!
Não Sei Quem Sou: Arranjo com influência de Foo Fighters, voz alta e forte. Um grito em busca da nossa identidade.
Matemática: Um reggae!! Surpreendente pra quem ouvir. Violões combinados com uma letra inteligente. Infantil e maliciosa ao mesmo tempo.
Meus Segredos: Riff marcante. Música pra ouvir a qualquer hora. Pop e rock ao mesmo tempo.
Nunca Vai Ter Fim: Guitarras com cara de country e peso de rock. Uma declaração de amor pesada.
O que Eu Quis: Uma música mais velha. A mais triste do CD mas também a mais "pensativa". Mostra como o nosso som amadureceu.

Restart pode virar série de TV no México

Pe Lanza, Pe Lu e companhia podem gravar uma série de TV de 12 episódios que seria exibida no México. De acordo com informação do colunista Lauro Jardim, a banda teria sido procurada pela Televisa, maior rede de televisão do México.
O Restart acaba de lançar o CD “Geração Z” e prepara turnê internacional para janeiro e fevereiro do ano que vem. A banda, que já se apresentou na Argentina, tocará no Uruguai, Paraguai, Chile, Colômbia, Costa Rica, Peru e México.

Depois de ter homenageado a mãe com uma tatuagem no braço esquerdo, Thomas, baterista da Restart, garantiu na tarde desta sexta-feira, no Sessão Twitta, que, quando achar a mulher de sua vida e tiver certeza disso, marcará no corpo seu amor por ela.
“Faria algo que simbolizasse o nosso amor”, disse o músico, que arrancou suspíro das fãs.
O Sessão Twitta com o único louro da Restart fez o perfil do Sessão receber uma avalanche de perguntas de fãs que queriam matar a curiosidade sobre o colorido. Ele respondeu algumas delas, e não descartou a possibilidade da banda lançar um CD em inglês:
“Não temos nada planejado, mass é uma grande ideia. Acredito que, se virar febre na gringa a música "I carry you with me", obviamente faremos!”, contou ele.
Veja abaixo a entrevista completa com o @thomasrestart no
@sessaoextra: Pergunta de @ORestart_Seropa: Qual é sua música favorita no projeto "Geração Z"?
@thomasrestart: Gosto muito de todas, cada faixa tem sua vibe, seu momento, mas tenho um carinho especial com a "O que eu quis" emociona muito!
@sessaoextra: No início do Geração Z, correu a internet uma notícia de que a banda deixaria de ser colorida. Você apoiaria essa mudança?
@thomasrestart: Acho que não tem essa parada de deixar de ser colorido, amadurecemos, na foto do CD usamos tons mais sobrios mas sem intenção de passar uma imagem mais "branco e preto", as roupas passam muito a vibe que estamos em cada dia.
@sessaoextra: pergunta de @HRS_BH: Como você está encarando a carreira Internacional? Mudou muita coisa?
@thomasrestart: Está sendo sensacional, não esperava que a galera iria abraçar tanto a ideia. Estamos começando lá fora. Os shows na argentina foram demais, tocamos no Luna park, um estádio histórico, lançamos nosso CD em espanhol no Mêxico, temos fã clubes pelo mundo e isso graças aos nossos fãs brasileiros, que fazem de tudo pra nos divulgar la fora! Lembra muito o começo aqui no Brasil, e notei que cada dia que vamos pra fora tem mais galera curtindo a gente.
@sessaoextra: Pergunta de @VouTePegarTho: Em que país você mais gostaria de tocar com a Restart?
@thomasrestart: Tenho vontade de tocar no Japão, NY, Espanha, Paris, todos esse paises seria demais!
@sessaoextra: Vem por aí um CD da @rockrestart em inglês?
@thomasrestart: Não temos nada planejado, mas é uma grande ideia. Acredito que, se virar febre na gringa a música "I carry you with me", obviamente faremos!
@sessaoextra: No início, você não queria ser o baterista. Hoje, você se imagina tocando outro instrumento na banda?
@thomasrestart: Gosto muito de guitarra e violão, sempre amei bateria só não queria ficar lá atrás haha, mas acho que achei minha forma de aparecer. Queria poder fazer aula de tudo, Baixo guitarra violão e voz, mas o tempo está muito corrido. Um dia farei!rsrs
@sessaoextra: Pergunta de @KobaWomanizer: O quê você gosta de cantar no chuveiro além de Restart?
@thomasrestart: Eu tento cantar as músicas internacionais haha não tem ninguem me vendo. Eu tenho vergonha, não manjo inglês, aproveito hahaha
@sessaoextra: Para encerrar o #sessaotwitta: Já que fez uma tatuagem para a sua mãe, você faria uma para uma mulher amada? Qual?
@thomasrestart: Tatuagem é uma parada pra vida toda, se eu encontrar uma mulher pra vida toda, mas toda MESMO, com certeza faria. Mas não um nome. Faria algo que simbolizasse o nosso amor.

“O estilo tem que ser marcante”, diz produtor de bandas teens

Jovem que é jovem gosta mesmo é de ditar moda. Pois a moçada das bandas teens está realizando esse sonho.
Esses músicos - mesmo tão novinhos - viraram uma importante referência para o seu público, não só na hora de escolher qual som ouvir, mas também no momento de escolher o que vestir, calçar...
Mas como é feito a escolha do visual de um grupo? Para responder essa pergunta, o R7 foi atrás de gente que trabalha para que a moda dos palcos se torne a moda das ruas.
O produtor musical Rick Bonadio é responsável pela produção artística de bandas como NX Zero, Fresno e Rebeldes. Portanto, o cara tem moral para falar sobre o assunto. Ele contou que é importante que o artista tenha um visual marcante.
- É como o registro do artista, o visual tem que ser marcante para que o público veja uma foto e identifique rapidamente quem ele é. Se o público tiver vontade de ser como aquele artista e se vestir como ele é ainda melhor.
Restart DivulgaçãoMas como escolher a roupa certa para subir no palco? Ele diz que é preciso pensar em um conceito geral para o projeto. O ponto de partida é sempre a música e o público que irá consumir aquele estilo.
- Na maioria das vezes os artistas escolhem seu próprio visual, mas existem casos em que os produtores completam isso ou até mesmo fazem do zero. Algumas vezes já tive que mudar o visual do artista para que ele realmente tivesse um estilo mais marcante.
Uma das bandas que mais influenciam seus fãs no jeito de vestir e agir é a Restart. Pe Lanza, Pe Lu, Thomas e Koba criaram um jeito colorido de fazer música. No lançamento do novo trabalho, o CD Geração Z, muito se especulou sobre o fim das cores no figurino do grupo. Porém, quem acompanha o trabalho dos meninos sabe que eles não têm planos de deixar as roupas mais sérias. Pe Lu contou para o R7 como é feita a escolha do figurino da banda.
- Como sempre dissemos, para nós as roupas tem que estar de acordo com nosso humor, temos que nos sentir bem com o que estamos vestindo. Sempre vamos estar assim. Não abandonamos o colorido, isso não quer dizer que vamos estar coloridos todo tempo. Gostamos de surpreender, chocar, e o visual acaba tendo o poder de fazer isso. Vamos sempre inovar.


Ligação com a moda
A música e a moda ficam ainda mais próximas quando o público é jovem. O produtor musical Marco Camargo, que é um dos jurados do programa Ídolos, acredita que não exista problemas para os músicos se tornarem referências de estilo. Ele inclusive acha saudável essa ligação.
Rick Bonadio completa: a união do mundo fashion e o musical pode ser um dos segredos do sucesso das bandas.


- Eu acredito que quando se fala de arte tudo está muito próximo. A roupa dos artistas ajuda com que ele seja mais ou menos sucesso. Os mais ousados e lançadores de tendências são sempre os mais respeitados e comentados.

Meninos do Restart se transformam em bonecos para garotada

Bonecos RestartPe Lanza, Pe Lu, Thomas e Koba ganharam uma versão brinquedo. Os menino da banda Restart ficaram super bonitinhos na linha de brinquedos lançado pela Toy Pelúcia.


Além dos bonecos, o grupo também virou almofadas para enfeitar os quartos teens. Oque você achou da versão de brinquedo dos meninos?