imagem

imagem

..

28 de mai de 2011

RESTART X STRIKE



Se alguém ainda acha que os coloridos da Restart guardam rancor da banda Strike pelas críticas feita ao happy rock no passado está enganado. Os integrantes das duas bandas teen se enfrentaram no “Videogame”, que vai ao ar a partir de segunda-feira no “Video show”, e surpreenderam os fãs com um clima amistoso e de total descontração.
— Nós curtimos muito ter participado do programa. Rolavam aquelas provocações amistosas, mas a Restart é parceira de estrada e isso facilita mais a encontrar diversão no jogo — diz Marcelo Mancini, vocalista da Strike.
Para Pe Lu, vocalista e guitarrista da Restart, o encontro só foi possível por causa do afeto recíproco que as bandas cultivam.
— O fato de estarmos entre amigos deixou o clima ainda mais agradável e fez com que a gente se jogasse mesmo nas brincadeiras — conta.
Durante o programa, os jovens participaram de um quiz de perguntas sobre novelas, cantaram músicas de outros artistas, no quadro “Antena paranóica”, e pagaram alguns micos: se fantasiaram, no “Besteira rolante”, e até engraxaram sapatos, na “Sala da injustiça”.
— As brincadeiras foram sensacionais. Eu, particularmente, ri muito dos castigos e das dancinhas. Foi impagável — diz Pe Lu.
Sobre o episódio em que a Strike criticou o happy rock, satirizando os coloridos no clipe “A tendência”, o também vocalista da Restart Pe Lanza afirma que nunca houve qualquer conflito:
— Quem conhece um pouco da nossa história sabe que a inimizade nunca existiu. Eles sempre tiveram essa pegada do pop punk e seguiram outra tendência do rock, mas nunca tiveram a intenção de falar mal da gente. Nós sempre tocamos juntos e nos respeitamos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário